quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Há quanto tempo...


Há quanto tempo não me sento aqui no propósito de escrever em meu blog... desculpe aos que gostam de lê-lo. Sei que não são muitos, mas mesmo assim agradeço e me desculpo pela ausência.

Sutilmente e repentinamente minha vida deu um salto que eu já não esperava. E o que posso dizer disso, sem me desmanchar no derramamento dos meus sentimentos? Digo que a vida é surpreendente nos caminhos que nos proporciona andar e que a queda de antes nos impulsiona a levantar e enxergar tudo novo e diferente, de maneira mais sábia, mais adulta, mais madura. E caminhar de novo, não mais no mesmo passo lento e despreocupado, mas sim num andar mais firme, corajoso e comprometido em fazer da caminhada um pulsar de emoções realmente compensadoras.

Esqueçamos a melancolia? Não, não é pra tanto... Como diriam alguns, "a melancolia me cai bem." Só não é maior que o contentamento de caminhar de novo, no novo...

*O amor, de fato, é surpreendente...

2 comentários:

  1. A alegria tomou conta de minha face por dois motivos: O primeiro é o deleite diante da composição do texto, que o faz agradável de ser lido. Um texto bem escrito é uma pérola que muitos deveriam cultivar.
    O segundo motivo de minha repentina alacridade é o fato de notar sua felicidade nesta retomada de sua caminhada.
    Lamento não ser capaz de fazer um comentário digno, tudo o que posso dizer é: O tempo mudou. Nuvens indesejáveis foram para longe. É mais fácil agora a sua caminhada. Caminhe Luciana, caminhe sem hesitar e observe sempre seus passos, aprenda com eles para poder caminhar no futuro.

    ResponderExcluir
  2. Uai?!
    Não atualiza mais não?! rs

    ResponderExcluir

COMENTÁRIOS PERTINENTES, POR FAVOR!